Facebook multado na Itália (de novo!) Por informações enganosas sobre proteção de dados

A Autoridade de Concorrência italiana Autorit 脿 Garante della Concorrenza e del Mercato (AGCM), mais comumente conhecida como Autoridade de Complementação Italiana e reguladora antitruste do país, anunciou uma multa de 7 milhões de euros contra o Facebook por conduta enganosa em proteção de dados na quarta-feira. Foi alegado que o gigante da mídia social dos Estados Unidos não informou adequadamente seus usuários sobre como coleta e usa seus dados para fins comerciais.

O Facebook havia sido multado anteriormente em 5 milhões de euros em novembro de 2018 por recorrer a práticas comerciais desleais.

Em um comunicado, o AGCM disse: “O Facebook Ireland Ltd. e o Facebook Inc. não cumpriram o aviso de remover a prática desleal sobre o uso de dados do usuário e não publicaram a declaração corretiva solicitada pela Autoridade. Eles ainda não fornecem informações imediatas e claras sobre a coleta e uso de dados do usuário para fins comerciais. “

A autoridade acrescentou: “São informações de que o consumidor necessita para decidir se pretende ou não subscrever o serviço, dado o valor económico que o Facebook atribui aos dados fornecidos pelo utilizador, o que representa um pagamento pela utilização do serviço.” Manteve a sua posição de que a plataforma engana os novos utilizadores ao não lhes informar “imediata e adequadamente” como recolhe e utiliza os seus dados para fins comerciais.

“São informações que o consumidor precisa para decidir se deseja aderir ao serviço, tendo em vista o valor econômico para o Facebook dos dados fornecidos pelo usuário, que representam o pagamento pela utilização do serviço”, diz o comunicado.

Um porta-voz do Facebook disse: “Observamos o anúncio da Autoridade de Concorrência italiana hoje, mas aguardamos a decisão do Conselho de Estado sobre nosso recurso contra as conclusões iniciais da Autoridade. O Facebook leva a privacidade muito a sério e já fizemos alterações, incluindo nossos Termos de Serviço, para esclarecer ainda mais como o Facebook usa os dados para fornecer seus serviços e para fornecer publicidade personalizada. ” O porta-voz acrescentou que o Facebook mudou seus termos de serviço para esclarecer como ganha dinheiro cobrando das empresas e de outras organizações a exibição de anúncios.

Inicialmente, o Facebook foi multado e obrigado a publicar uma declaração corrigida sobre as políticas de dados na “página inicial do site da empresa para a Itália, no aplicativo do Facebook e na página pessoal de cada usuário italiano registrado”. A multa de quarta-feira veio depois que a plataforma não cumpriu a ordem.

“A investigação atual determinou que as duas empresas (Facebook Ireland Ltd. e Facebook Inc.) não publicaram a declaração corretiva e não cessaram a prática desleal estabelecida”, acrescentou o AGCM. Afirmou ainda que a informação disponibilizada pelo Facebook era “genérica e incompleta” e não fazia distinção entre quando os dados foram utilizados para personalizar os serviços do Facebook ou para campanhas publicitárias.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *