Facebook adquire Giphy, avaliando a popular plataforma GIF em US $ 400 milhões

No mundo acelerado da Internet, ninguém tem tempo para ler o que você tem a dizer. Qualquer coisa que você não consiga expressar em segundos é inútil, e também qualquer coisa que não seja vídeo, porque, honestamente, quem quer ver fotos? Assim, os GIFs se tornaram a forma mais moderna de comunicação, e com razão. A enorme natureza do meio levou o Facebook a entrar em ação, como faz com todos os outros mercados, e a adquirir o Giphy, popular plataforma de compartilhamento de GIFs.

A notícia foi descoberta pela primeira vez pela Axios, que afirmou que a gigante das mídias sociais vai adquirir a plataforma gif em uma aquisição de $ 400 milhões. As empresas já conversavam antes mesmo do início da pandemia, mas foi há pouco tempo que a natureza da conversa passou a ser mais aquisições do que parcerias.

Mais tarde, o Facebook tornou o anúncio oficial por meio de uma postagem no blog, dizendo: “GIPHY, um líder em expressão visual e criação, está se juntando à empresa Facebook hoje como parte da equipe do Instagram. O GIPHY torna as conversas do dia-a-dia mais divertidas, por isso planejamos integrar ainda mais sua biblioteca de GIF no Instagram e em nossos outros aplicativos para que as pessoas possam encontrar a maneira certa de se expressar ”. O Facebook, entretanto, não divulgou oficialmente o valor da aquisição.

Assim, a primeira plataforma a ser renovada como parte deste negócio será o Instagram, que anunciou o negócio em seu Twitter Comms Instagram dizendo: “Bem-vindo à família! Para aqueles que estão se perguntando, GIPHY continuará operando sua biblioteca e relacionamentos com parceiros de conteúdo e API, portanto, se você usar GIPHY em outras plataformas, nada mudará. ” Outras plataformas da família Facebook, como WhatsApp, Messenger e o aplicativo principal do Facebook, também usam a API do Giphy. Giphy também manterá sua marca.

O Facebook mencionou em sua postagem no blog que 50% do tráfego do GIPHY vem da família de aplicativos do Facebook, e metade disso vem apenas do Instagram. Assim, a decisão de selecionar a operadora Instagram para o novo negócio era bem esperada e já havia sido prevista pela Axiom e outros.

Outros como Twitter, Pinterest, Slack e Reddit também usam o Giphy e continuarão a fazê-lo. “As pessoas ainda poderão fazer upload de GIFs; os desenvolvedores e parceiros de API continuarão tendo o mesmo acesso às APIs de GIPHY; e a comunidade criativa da GIPHY ainda será capaz de criar ótimo conteúdo ”, disse Vishal Shah, vice-presidente de produto do Facebook, na postagem do blog.

Assim, todos ainda poderão usar o Giphy, exceto talvez aqueles que os pronunciam como “gifs” e não “jifs”, pois eles não deveriam tê-los obtido em primeiro lugar.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *